Há 24 anos no varejo, a Baratão Auto Peças é sinônimo de credibilidade

O sonho do empreendedor que começou estocando peças em casa. Hoje, o atacarejo Baratão tem seis lojas

Vendedor externo de peças, o sonho de Roberto Guimarães Ramos (foto) era ter a sua própria loja. Com o apoio da sua esposa, Lúcia de Fátima Perez Guimarães, todos os meses, por um período de quatro anos, ele destinava 70% do seu pagamento para a compra de peças, que eram estocadas em sua casa. “Eu dizia para ela que quando eu conseguisse encher dois quartos, seria a hora de abrir a loja. E assim foi”, recorda-se.

Roberto Guimarães Ramos, fundador e diretor da Baratão Auto Peças – Foto: Divulgação

A ideia da loja nasceu em 12 de outubro 1990. “No dia de Nossa Senhora, a minha padroeira”, e oficialmente, em julho de 1997. A primeira unidade foi em Brasília (DF). “Quando eu montei a loja, eu comprei 50 prateleiras e ao colocar as peças nelas, elas sumiram. Todo mundo achava que eu tinha um grande estoque, quando na verdade eram caixas vazias. Por eu ter amizade com os distribuidores, eles me deram muita força. Eu atendia o cliente, às vezes ele queria dez peças e eu só tinha uma, e eu usava o estoque do distribuidor, comprava e fazia a entregava”.

Ele conta que o início foi uma trajetória de altos e baixos. “Até sermos reconhecidos e conseguirmos estabilidade”, afirma, acrescentando que ele era o comprador, vendedor, entregador e o cobrador. “Eu era um ´Bombril’ dentro da empresa e a minha mulher trabalhava comigo. Ela é a pessoa mais importante da minha vida, a pessoa que está sempre ao meu lado e compartilhou o meu sonho”.

São seis lojas, três em Brasília e três em Goiânia – Foto: Divulgação

Hoje são seis lojas, três em Brasília e três em Goiânia, que somam 148 colaboradores diretos e mais de 30 mil itens. “Nós temos 70% dos componentes de um veículo, da parte mecânica, motor e undercar, só não temos a linha pesada. De caminhonete para baixo, nós temos tudo. Quem cuida das empresas em Brasília é o meu filho Igor e, em Goiânia, a minha filha Grazielle, juntos aos nossos gerentes”.

Expansão

Neste ano, uma das unidades de Brasília ganhará um adicional de mais de 500 m2 e, até fevereiro de 2022, a loja de Aparecida de Goiânia terá uma sede própria. E mais novidades vêm por aí. “Também no próximo ano, nós vamos inaugurar uma nova unidade, em um prédio próprio, em Valparaíso de Goiás. A Baratão está indo de vento e popa, graças aos nossos clientes e nossos colaboradores. Isso me deixa muito contente”.

A empresa tem 70% dos componentes de um veículo, da parte mecânica, motor e undercar, só não a linha pesada, mas de caminhonete para baixo, tem tudo – Foto: Divulgação

Sobre o nome Baratão, Ramos conta que além dele ser sinônimo de preço baixo, por coincidência antes de abrir a loja, um dia ele viu uma barata descendo uma parede e disse: “isso não é uma barata, é um baratão”. E o nome pegou. Quanto aos diferenciais do seu atacarejo, ele é enfático.

“Não existe nada melhor do que quando você chega em um lugar e encontra as pessoas com um sorriso no rosto. O nosso diferencial, tanto pessoalmente, pelo telefone ou pelo vídeo, é o atendimento. É trazer os nossos clientes para dentro dos nossos corações, pois eles são a vida da Baratão”, conclui.

Compartilhe