Veja quais foram os 10 caminhões com maior número de vendas no ano de 2022

Categoria de pesados domina o ranking com seis modelos; os leves têm dois, enquanto os médios e os semipesados um cada

Do AutoIndústria

Caminhões pesados seguem como o principal motor das vendas do segmento no País. No ano passado, do mercado total de 124,5 mil unidades emplacadas, a categoria respondeu por 51%. A predominância se reflete na lista dos 10 mais vendidos. No ranking de 2022, baseado nos emplacamentos a partir dos dados da Fenabrave, os pesados ocupam seis posições, dentre as quais a liderança. Longas distâncias rodoviárias, cargas densas, como grão e minério, estão entre os principais motivadores da demanda.

No restante da lista constam ainda dois modelos da categoria de leves, ferramentas para operações urbanas, um representante de médios, faixa de veículo frequentemente utilizado para distribuição de bebidas, como também apenas um de semipesados, segmento coringa para atuar tanto nas cidades quanto nas médias distâncias rodoviárias.

Juntos, os 10 caminhões mais vendidos em 2022 somaram 48,6 mil emplacamentos, volume que representou 39% do mercado total. No ranking, do décimo ao primeiro estão:

10º Scania R540

Foto: Divulgação

Até o ano passado, o veículo trazia o motor mais potente da linha de 13 litros. Com o início da nova fase do Proconve P8, a fabricante encerra oferta, introduzindo opção de 560 cv. Em 2022, o Scania R540 acumulou 3.147 emplacamentos, o que garantiu fatia de 5% do mercado de pesados.

9º Volkswagen Delivery 9.170

Foto: Divulgação

O modelo é considerado um campeão de vendas da Volkswagen Caminhões e Ônibus na categoria de leves. Ferramenta de trabalho para a distribuição urbana de carga, o veículo somou 3.185 licenciamentos em 2022, volume que permitiu ocupar a vice-liderança da categoria de leves com 31,4% de participação.

8º Mercedes-Benz Accelo 1016

Foto: Divulgação

No fim de 2021, a Mercedes-Benz comemorou o marco de 80 mil caminhões Accelo vendidos desde que a linha surgiu no País, em 2003. Na conta da fabricante, o 1016 foi o segundo mais vendido da família, atrás do 815. O modelo segue com fama de bom vendedor ao acumular, no ano passado, 3.414 unidades emplacadas, rendendo a liderança da categoria de leves com 33,6%.

7º Mercedes-Benz Actros 2651

Foto: Divulgação

Ao longo do tempo recebeu diversos aprimoramentos a fim de melhor atender a realidade do transporte brasileiro. Carro-chefe dos pesados da marca de São Bernardo do Campo (SP), o modelo vendeu 3.577 unidades, fechando 2022 com 5,63% do mercado de pesados.

6º Volvo VM 270

Foto: Divulgação

O modelo pela primeira vez garantiu a liderança das vendas de semipesados, ao superar, depois de anos, o desempenho do VW Constellation 24.280 no segmento. Em 2022, a opção da marca sueca registrou 4.732 emplacamentos, volume que representou 13,8% das vendas da categoria.

5º Scania R450

Foto: Divulgação

O cavalo-mecânico recebeu a difícil tarefa de substituir o R440, o maior campeão de vendas da história da marca, com 32 mil unidades emplacadas em seis anos de produção, encerrada em 2018. Ainda assim, a versão não decepciona como o quinto mais vendido do mercado com 5.170 licenciamentos, o que rendeu fatia de 8,1% na categoria de pesados. O veículo também diz adeus com a introdução de nova geração de motores de 13 litros da Scania, a partir de agora com potências de 420, 460, 500 e 560 cv.

4º Volvo FH460

Foto: Divulgação

O modelo entrega tanta capacidade de carga quanto o irmão maior FH540, porém, a um preço menor e 80 cv a menos. Certamente agrada o transportador que, no ano passado, absorveu 5.171 unidades da versão, um empate técnico com o rival Scania R450.

3º Volkswagen Delivery 11.180

Foto: Divulgação

O único representante dentre os caminhões médios não é unanimidade, mas consegue ser um líder incontestável na categoria. No ano passado, o caminhão somou 5.595 emplacamentos, ou seja, 53,7% das vendas do segmento.

2º DAF XF

Foto: Divulgação

Ao longo dos anos, a marca do Grupo Paccar mostra crescimento contínuo de consistente. Em 2022, o principal modelo da linha de pesado da fabricante proporcionou duas conquistas: a vice-liderança na categoria, como também o segundo mais vendido do mercado. O veículo vendeu 6.301 unidades, 9,9% dos emplacamentos de pesados.

1º Volvo FH540

Foto: Divulgação

O modelo pouco enxerga ameaças na liderança da categoria de pesados, bem como do mercado em geral. A versão encerrou o ano passado no topo pelo quarto ano consecutivo com ampla folga. Transportador recebeu 8.317 unidades, o que resultou em 13,1% das vendas do segmento.

Compartilhe